sexta-feira, 8 de abril de 2016

Osho: VOCÊ NÃO PODE DEPENDER DAS CONCLUSÕES DOS OUTROS


Inteligência é vivacidade, é espontaneidade. É receptividade, é vulnerabilidade. É imparcialidade, é a coragem de viver sem conclusões.

E por que eu digo que é coragem? É coragem porque, quando você vive de acordo com uma conclusão, 
a conclusão protege você; a conclusão dá a você segurança, proteção. Você sabe muito bem, sabe como chegar a ela, você é muito eficiente com ela.

Viver sem uma conclusão é viver na inocência. 
Não existe segurança; você pode errar, pode se desviar do caminho certo.

Quem está pronto para empreender a exploração chamada verdade tem que estar pronto também para cometer muitos erros, equívocos - 
tem que ser capaz de arriscar.

Pode extraviar-se mas é assim que chega. 
Perdendo-se muitas vezes é que se aprende como não se perder. Cometendo muitos erros é que se aprende o que é um erro e como não cometê-lo. Estando ciente do que é um erro é que se chega cada vez mais perto da verdade.

Trata-se de uma exploração pessoal; 
você não pode depender das conclusões dos outros.

Osho, em "Coragem: O Prazer de Viver Perigosamente"
Imagem por Marina Zenenko

Fonte: Palavras de Osho
http://palavrasdeosho.blogspot.com.br/



Postar um comentário