terça-feira, 21 de junho de 2016

Federação da Luz: BLOSSOM GOODCHILD - 9 de Junho de 2016


Blossom: Viva! A nossa conversa na semana passada foi bastante surpreendente para muitos. Aceito totalmente o que disseram. No entanto isso não quer necessariamente dizer que o compreenda! No fim ... SINTO que na verdade não importa realmente O QUE compreendemos. O que importa é que nós AMEMOS e nos SINTAMOS AMADOS. Para mim estar aqui no planeta é não só acerca da elevação da sua Vibração para um Superior / melhor lugar mas também acerca de “me encontrar a mim mesma”. A “Divindade” em mim.
A Federação da Luz: A maior das sinceridades dá-te as boas vindas hoje. A Cada Um que segue o seu caminho e age de forma a reunir-se com esta mesma coisa ... a sua Divindade.
Blossom: Uma palavra interessante... “Deus”. Aquece e acalma e eleva os corações de tantos e desliga as mentes de tantos outros. Suponho que vejo Deus como Fonte/Amor. Faz mais sentido para mim, pois fui criada como católica (escola no convento, pai fortemente católico) a palavra “Deus” também me desligou a mim durante muito tempo. Apesar de tudo, sinto-me agora muito mais confortável com ela.
A Federação da Luz: Na verdade é apenas uma “palavra”. Simplesmente uma palavra. No entanto as palavras têm codificações. Têm Vibração sonora intrínseca e apesar de, como diz, muitos se sentirem desenquadrados com essa palavra... ela ressoa numa muito Alta Vibração.
Blossom: No entanto é “apenas uma palavra”, certo? Lembro-me de Nuvem Branca ter dito que não fazia diferença se “agulha de tricotar” fosse o termo para Deus. É o SENTIR. A intenção é que faz com que seja o que for.
A Federação da Luz: E claro que isso também faz sentido. Algumas palavras podem ser bastante ofensivas ao ouvido... através da Vibração do som que comportam... e, no entanto, se essa mesma palavra é proferida vinda de um "lugar diferente" do coração ... a ofensa não pode / não é recebida.
Blossom: Qual é palavra preferem usar para "Deus"? Depende do que se acredita que Deus é?
A Federação da Luz: Estás a fazer duas perguntas?
Blossom: Suponho que sim, sim.
A Federação da Luz: Então primeiro, a palavra... para o benefício dos que estão na Terra... o que escolheríamos, seria Yahweh.
Blossom: Credo! Donde veio isso? Ouvi-a nalgum sítio, na minha memória distante, no entanto não sei dizer que saiba muito acerca dela. Estou tão tentada a ir ao Google neste instante. No entanto resistirei até ver o que Têm a dizer sobre a e só depois compararei a vossa versão com o “Todopoderoso Google”. Que divertido!
A Federação da Luz: Yahweh é o mais Elevado. É o TODO e Tudo. É o mais Alto Venerado. É o Dar e o Receber. É o que emana do mais profundo local de Cada Ser. É TUDO O QUE EXISTE. É A VIBRAÇÃODE AMOR MAIS ELEVADA QUE EXISTE.
Blossom: Sim, estão a ver... na minha mente seria um “SER”. Aí está onde existe muita confusão. Criada como católica, demorei muito tempo a ver-me livre da noção de que DEUS é/era um homem. Ou pelo menos representado em forma humana. Por isso, pensei que ao falar acerca de Yahweh, dissessem “Ele é”.
A Federação da Luz: Um mal-entendido momentâneo. Ele, ela, nós, eles, vocês, Yahweh representa TODOS e, no entanto, NENHUM deles. AQUILO não tem género. Não é favorável a ninguém ou a nada pois é Toda a Gente e Todas as Coisas.
Blossom: Isso e compreendo e aceito que AQUILO não está “lá em cima”... Está dentro de mim, está EM TODO O LADO. Tem de ser... se é TUDO. No entanto, como digo, ainda não o compreendo de forma clara, porque continuo a “procurá-lo”... Lá em cima... Lá fora e Cá dentro! Através do CONHECIMENTO eu aceito que CONSEGUI encontrá-lo... Pois Ele/Ela, sou EU. Apesar disso não SINTO necessariamente que o consegui. Julgo que estou à espera do tal “Espetáculo Luminoso”. Não no céu, já não penso muito nisso, mas dentro de mim.
A Federação da Luz: Que tipo de espetáculo Luminoso?
Blossom: Aquele que muitos já vivenciaram. Aquele em que eles se encontram NO INTERIOR da Luz Mais Brilhante e Deus (?) fala para eles. Ou, eles apenas SENTEM a mais beatífica Paz, mesmo que apenas por curtos momentos. Isso deve ser a experiência mais espetacular e ajuda-nos a agarrar-mo-nos à VERDADE.
A Federação da Luz: Que Verdade?
Blossom: E... Vamos Lá!! A Verdade dentro de mim que CONHECE esta Luz. Esta ENTIDADE SAGRADA de que EU SOU parte.
A Federação da Luz: Então e o que é, Blossom, que te faz SENTIR que não a conheces?
Blossom: Porque outros tiveram uma experiência muito mais profunda com ela. O meu SENTIMENTO de Alegria e Amor (até ao máximo da minha capacidade) é estupendo, no entanto não estamos sempre à procura da cereja no topo do bolo?
A Federação da Luz: Porque julgas que é assim?
Blossom: Digam-me vocês! Por favor... Obrigada.
A Federação da Luz: É porque a tua experiência de ti estava pronta para isso, naquele momento.
Blossom: Sinto que muitos estão prontos para o mesmo. Quero dizer... prontos de que forma? Penso que já percorremos este caminho antes e provavelmente chegámos a um beco sem saída... ... ... ... ... ... Interessante! Ficámos em silêncio. Com certeza não foi por eu ter dito “chegámos a um beco sem saída”?
A Federação da Luz: Não. Apenas uma pequena ... digamos “brincadeira” (?) e para conceder-te algum tempo para pensar.
Blossom: Está bem. Deixem-me colocar esta questão de outra forma, mais pragmática. Por que é que eu não estou pronta, por exemplo?
A Federação da Luz: Estás.
Blossom: Então?
A Federação da Luz: Diz-nos que diferença isso faria para ti?
Blossom: Penso que ... uma grande diferença! Ás vezes, tenho pequenos episódios dessa natureza, tanto acordada como a dormir... e isso ajuda-me a sentir que estou no caminho. Assim, consequentemente, um GRANDE ENCONTRO iria marcar-me para toda a vida. Tal como parece acontecer com outros.
A Federação da Luz: Não é verdade que os que o experienciaram também afirmaram que gostariam de o experienciar/sentir de novo e se sentem frustrados por não poderem?
Blossom: Sim. É bem verdade.
A Federação da Luz: Então aí tens.
Blossom: Onde? Desculpem, mas não acredito nisso, com todo o respeito. Na verdade estou a sentir-me um pouco perdida. Por vezes, é tão difíficl manter o rumo nestas sessões... o que pode ser frustrante para mim e para os leitores. Não me entendam mal! Não estou a reclamar... apenas a dizer. Ainda estou em estado refinado/a fluir no meu Ser. Para onde iremos a partir daqui?
A Federação da Luz: Vamos tentar explicar novamente que AQUILO que procuras. Essa EXPERIÊNCIA EXTRAORDINÁRIA que te fará SENTIR que “conseguiste”... está aí para ti... quando estiveres pronta... a qualquer momento. Dizes que... nós dizemos que... estás pronta. ESTÁS. Todos estão prontos a dada altura. Só têm que o SABER.
Blossom: Mas nesse caso argumento que ... muitos dos que TIVERAM essa experiência não o SABIAM necessariamente.
A Federação da Luz: Como é que SABES isso?
Blossom: Não sei. Então como é que eu SEI que estou pronta, se SINTO que SEI QUE JÁ ESTOU?
A Federação da Luz: Então deixa-nos fazer uma pergunta: SENTES que precisas disso?
Blossom: Não. Eu apenas GOSTARIA. Quero dizer, não gostaria toda a gente?
A Federação da Luz: Todos podem tê-la. Pois ela é para todos.
Blossom: Sim, PERCEBO TUDO ISSO. E sei que a razão porque continuam a dizer-nos é porque é necessário que o repitam até a alcançarmos. Pois não existe outra forma de o explicarem. Apesar disso, não percebo. Quero dizer, percebo... compreendo o conceito... apenas não o SINTO.
A Federação da Luz: Talvez... apenas não o SAIBAS... na aparência das escolhas na tua vida neste momento... nesta vida... nesta matéria.
Blossom: Assumindo que seria “SABÊ-LO plenamente. Na minha consciência.”? Porque será que nos debatemos sobre este assunto? Quero dizer... porque será que temos acesso a apenas uma pequena fração do que realmente somos? Tudo o que sabemos nesta forma humana? O que quer dizer tudo isso?
A Federação da Luz: É acerca da “experiência” do ser. É acerca de RECORDAR tudo aquilo que já SABEM. Na redescoberta da vossa plena consciência de si... Estás a ver. Aceitem isso. Aceitem-no de novo pelo que é. PARECE novo e admiram-se com isso. SENTEM ALEGRIA com isso... por causa disso. APRECIEM-NO/A VÓS pelo que É/SÃO. Porque o reconhecem quando aí voltam e no entanto, ao mesmo tempo... vêm-no pela primeira vez pelo QUE É... em oposição ao que TEM SIDO sempre.
Blossom: Então a questão de não nos lembrarmos, nesta matéria é podermos “experienciar-nos” e TUDO aquilo que somos. À medida que vamos recordando QUEM somos e do que ESSE QUEM é capaz. Se fossemos sempre apenas AQUILO, não saberíamos realmente o que AQUILO era, pois não teríamos experienciado o oposto. Então pela experiência do oposto nos seus milhentos formatos, conseguimos CONHECER a VERDADE de QUEM REALMENTE SOMOS, quando não estamos a SER a contradição dessa/nossa VERDADE. Credo, consegui!
A Federação da Luz: O distintivo é colocado orgulhosamente sobre ti.
Blossom: Aquele sobre perseverança de que falei na semana passada?
A Federação da Luz: Sim, por veres onde te levou e claro, sem grande alarido, porque também aí chegaram muitos outros.
Blossom: Espantoso!
A Federação da Luz: Então, quanto mais profundamente “COMEÇARES” a entender que estás “apenas” a impulsionar-te a ti própria, mais rapidamente completarás o teu entendimento.
Regressemos à analogia do novelo de que falámos na última vez. Mas vamos, desta vez, imaginar que o novelo inteiro (e que comprimento terá um novelo inteiro?) foi desenrolado... mesmo até ao limite. Todo o comprimento desse fio são “experiências” em vários níveis, nos graus do ser. A ponta que começou a desenrolar está talvez no nível 1 e a outra ponta é o MAIS ELEVADO E PURO AMOR. Atribuamos a isso um 10.

Então no 10 ... começa o relembrar/recolher a si próprio de volta ao novelo que já foi... está a experienciar o ser COMPLETO de novo. É o re-capturar/re-encontrar-se a si próprio DESDE A/DE VOLTA À última posição e relembrando a si próprio à medida que o vai fazendo. À medida que se aproxima da sua plenitude, TORNA-SE mais de si próprio. Todas as “coisas” em que “acredita” que não é... AGORA tornam-se coisas que são/existem. À medida que o novelo é enrolado de volta ao estado original. Isto está a ajudar?
Blossom: Sim, até certo ponto. No entanto faz surgir muitas mais questões.
A Federação da Luz: Como sempre fará. Ficaremos por aqui e diremos ... a continuar?
Blossom: Isso será bastante satisfatório. Vou agora procurar no Google “Yavé”*. (‘Yahweh’*). Talvez deva começar a canalizar o Google. Em tanto Amor e agradecimento por estes “ensinamentos”.
Fim da sessão.


Não esqueçam o Dia do Ser Humano Feliz, no 20 de Julho. Por favor, estejam no meu vídeo.

Volte a visitar a Invocação “Somos os transformadores do Jogo” cada vez que o vosso estado de ânimo o peça…se necessita para manter a energia tão alta quanto possível.
O vínculo para poder aceder a todos os meus YouTubes é:

Website: Blossom Goodchild
Tradução: Fernando S.

Fonte: Galactic Channelings
http://galacticchannelings.com/


Postar um comentário