domingo, 4 de dezembro de 2016

Saul: VOCÊ É REAL, A ILUSÃO NÃO É.


Estamos no fim dos tempos. E isso não significa o fim! Refere-se à dissipação e desintegração da ilusão. A ilusão é um sonho ou, um pesadelo no qual a humanidade coletivamente tem-se enredado por eras. É um estado irreal, uma alucinação, mas algo irreal de imaginar - semelhante à desorientação usada por mágicos - que é muito convincente. É o que você acredita daquilo que você vê! O coletivo tem visto e experimentado a ilusão por eras e, portanto, tornou-se praticamente impossível não acreditar no que vê em sua realidade. Até muito recentemente, os cientistas estavam produzindo "provas" que provavam que você vive em um universo físico, e a experiência cotidiana confirmou a realidade da ilusão dos objetos sólidos, porque os objetos não podem passar através de outros objetos sem se danificarem.

No entanto, a vanguarda da física moderna tem finalmente confirmado que nada é sólido, que as formas de qualquer tipo – sejam galáxias ou formigas - são todos parte de um campo de energia electro-magnético imensamente vasto. Tudo é energia, e tudo está ligado a todo o resto, não há separação. No entanto, dentro da ilusão, formas de vida ainda experimentam a vida como seres individuais, separados. Consequentemente, é muito difícil para você entender e apreciar que você "é um ser de puro espírito, com campos de consciência, interagindo constantemente e afetando um ao outro.

É um paradoxo. Você que está despertando sabe que não há separação, e ainda assim, sabe que a separação tem um grande fator na experiência de sua vida humana. A ilusão, depende da aceitação coletiva e crença nela pela humanidade. O que é ilusório, é como você vê ou percebe um ao outro e ao mundo em que você vive e, principalmente, você não tem conhecimento que você tem uma totalmente diferente percepção de cada um e de todos os outros. Isso é o que é a separação e, o conflito surge devido as suas percepções diferentes de uma mesma situação. Cada um de vocês acredita que a sua percepção é a correta, e que a do outro está errada.

A separação é tudo sobre os opostos – o certo e errado, o bom e mau, o quente e o frio – tudo que polariza e divide. Um bom exemplo da mudança de uma estado de separação para a unidade, para um estado integrado, é quando você mistura água quente e fria para tomar banho. Você precisa misturar ambas para o banho ser agradável, mas juntas, não separadamente, ou você iria fervê-la ou congelá-la. Para os seres humanos, a Unicidade é sobre se unir, aceitar uns aos outros, assim como vocês são, e então ao permitir essa mistura a integração ocorrerá. Verdadeiramente, vocês têm muito, muito mais em comum juntos do que divididos, mas você opta por se concentrar no que o divide. E a razão para isso é que você está tão acostumado a um estado de separação que a hipótese de se juntar um ao outro te apavora. Você acha que iria perder a sua individualidade, a sua identidade, a parte de você que você acredita que faz você real.

A humanidade concentra-se em identidades - estrelas de cinema favoritas, estrelas do esporte, estrelas da política, religiosos famosos, estrelas dos negócios, - a quem você gostar e julgar como sendo bom, e seus opostos, são os odiados, a quem você não gosta e julga-os como ruins. Sua sociedade humana inteira é baseada em tomar partido - você tem esse muito muito claro aforismo: dividir e conquistar!

Finalmente raiou a percepção que dividir e conquistar só contribui para os seus problemas e sofrimentos. Tem emergido a consciência de que vocês precisam ouvir uns aos outros, em vez de apressar-se para julgar uns aos outros. Todo mundo, não há exceções, toda a gente tem algo de grande valor para adicionar à consciência humana coletiva, para o campo de Amor no qual você vive toda a sua existência eterna. Por eras, você valorizou altamente aqueles que são fortes, inteligentes e espertos, estes são os que você gostaria de ter como seus líderes. Eles são então empossados e, em seguida, emerge uma onda de euforia por substituir os líderes anteriores que falharam miseravelmente, e todo o ciclo recomeça uma vez mais.

Cada um de vocês tem que ser seu próprio líder! Você é Um com Deus, e Ele está com você em todos os momentos, oferecendo sábias e amorosas orientações, se você se permitir a ouvi-Lo. Mas não, você quer ser independente, forte, poderoso e influente. Afinal, quem precisa de Deus? Deus é OK, perfeito para eventos sociais e de caridade, arrecadando dinheiro para os desabrigados e oprimidos, clamando por Ele, porque soa bem, mas na realidade, em seu mundo, em todos os dias, Deus não existe, e você fica sozinho, e você precisa ser forte. Mas sob toda a bravata que você exibe e projeta há sempre uma criança assustada e abandonada desesperadamente tentando ser vista, honrada, aceita e amada.

O Amor é a sua natureza. No entanto, você optou por experimentar um estado irreal de separação, e construiu a ilusão, e se tornou humano para preenchê-la. Agora todos vocês estão procurando desesperadamente o Amor, que é a sua natureza, e a de qualquer outra pessoa. E outro alguém está fazendo exatamente o mesmo. Você é Amor! E o único lugar que você pode acha-lo é dentro de si mesmo, onde eternamente ele reside.

A ilusão, como o próprio nome indica, é irreal. O Amor é tudo o que é real, e você é real, pois ele está dentro de si mesmo, e você 'vai encontrá-lo. Mas eras de experiências de vida dentro da ilusão tem mostrado você como sendo pequeno e insignificante, em comparação com o Universo lá fora! No entanto, você criou o Universo, e ele está contido dentro de você. Abram seus corações para aceitar o Amor que reside dentro de vocês, e deixem-no fluir através de vocês abundantemente, e sobre todos os outros que estão buscando desesperadamente por ele sem conseguir encontrá-lo.

Sua aceitação da verdade, de que você é Amor, e sua intenção de compartilhá-lo e estendê-lo a todos, está levando a humanidade ao seu inevitável despertar. O seu papel no processo de despertar é essencial por isso. Todos na Terra tem um papel a desempenhar, e todos estão fazendo a sua parte. Isso não é aparente quando você olha externamente para si mesmo, pois a ilusão parece envolver e sobrecarregar a sua forma humana como pequena e insignificante. A ilusão é você fazer isso, repleto de medo, sofrimento e dor intensa, mas totalmente irreal!

Você é real, a ilusão não é. Você é o Amor, consciência, percepção, Tudo O Que É, e você está agora no processo de despertar, para saber mais sobre seu verdadeiro e eterno estado, Um com Deus, a Fonte, do qual você nunca esteve, e nunca poderia, estar separado. O fato de você estar vivo e de você saber que está vivo, demonstra perfeitamente esta verdade. Você optou por construir um estado irreal, e fingiu entrar nele. Agora o jogo está terminando, e você vai acordar. Tudo ao seu redor são sinais do despertar, porque o Tsunami do Amor tem fluido calmante, e está confortando a todos, por um número de anos agora, e já não pode ser negado. A evidência de seus efeitos pode ser vista magnificamente em todos os lugares, se você deixar de lado as suas expectativas e permitir que a realidade se mostre para você.

Como todos os canais espirituais, e todos os sábios, e todos os seus guias e anjos e santos favoritos estão dizendo constantemente, tudo o que você tem que fazer, tudo o que você precisa fazer, é permitir! O poder de Deus está dentro de você, e quando você o permitir, ele fluirá, e a ilusão irá simplesmente desaparecer.

Com muito Amor,

Saul.

20/11/2016
Canal: John Smallman
Fonte: http://johnsmallman.wordpress.com/

Reblogado do website de John Smallman
Link da mensagem: https://johnsmallman.wordpress.com/2016/11/20/you-are-real-the-illusion-is-not/

Tradução: Adriano Pereira – blogluzevida@gmail.com
Manaus/Amazonas/Brasil


Postar um comentário