segunda-feira, 13 de março de 2017

Moacir Sader: TRÊS ANOS APÓS A ABDUÇÃO DO AVIÃO DA MALÁSIA, NOVAS REVELAÇÕES


Três anos após a abdução do avião da Malásia, novas revelações
Artigo de
Moacir Sader

Em março de 2017, completam três anos do desaparecimento do avião da Malásia. A seguir, compilei as principais revelações recebidas sobre a abdução deste avião e compartilhadas em meus artigos antigos anteriores. No final deste artigo, inseri as novas revelações chegadas agora ao completarmos o terceiro ano do desaparecimento.

Depois dos primeiros dias do desaparecimento do Boeing da Malásia, ocorrido em 08 de março de 2014, que voava para Pequim (China), ficou claro que alguma coisa errada havia tanto no desaparecimento quanto na postura de governos e imprensa ao omitirem importante evidência.

No período de busca, com 26 países participando, nenhum sinal do avião foi detectado e o que se viu de informações oficiais são afirmativas e desmentidos, evidenciando que poucos conhecem sobre o ocorrido ou, o que é mais provável, não queriam revelar o que sabem.

E por que esta constatação?

Porque um fato extremamente relevante não foi mencionado por nenhum órgão oficial, nem pela imprensa: sobre os dois objetos não identificados surgidos no radar de controle do espaço aéreo no momento em que antecederam o desaparecimento do avião e se fazendo presentes até o instante em que o do avião desparece do radar.

O que se vê nas imagens do radar é relevante: são dois “aviões” com comportamentos estranhos, pois, ora ficam parados, ora um deles voa com grande velocidade, situações impossíveis de acontecer se fossem aviões.

E o que é mais grave: um desses objetos não identificados, ao alinhar-se com o avião da Malásia, tem-se o momento exato do desaparecimento: primeiro desaparece o objetivo não identificado; em seguida, some o avião da Malásia, isso após um movimento absolutamente anormal acontecido com o Boeing, um impulso com extrema velocidade para frente e/ou para cima, ocorrência descabida de acontecer com avião.

A única menção oficial ao um objeto não identificado foi feita por um general da Força Aérea Real Malaia, segundo matéria publicada no site do UOL quando ele afirmou que “Radares militares detectaram um objeto voador não identificado no norte do Estreito de Malaca às 2h15m (hora local) do sábado, portanto cerca de uma hora após o Boeing 777-200 com 227 passageiros e 12 ocupantes ter sumido das telas do controle de tráfego aéreo.”

Em julho/2014, um novo fato veio elucidar o desaparecimento do avião da Malásia, desaparecido em março de 2014. Uma amiga que desde criança vivencia experiências fora do corpo (viagens astrais), quando entra em contato com seres de outra esfera dimensional ou planetária, contou-me uma ocorrência de ajuda astral que ela fez aos passageiros de um avião. Isso aconteceu na noite do desaparecimento do avião da Malásia, situação que, somente após vivenciar a experiência de retirada dos passageiros, ela soube da notícia pela imprensa do avião que desaparecera naquela noite.

Em sua narrativa, ela ajudou no resgate e especialmente na interação com os passageiros, explicando o ocorrido e auxiliando psicológica e espiritualmente, até porque eles precisavam entender que não poderiam mais retornar às suas vidas terrenas, embora estivessem vivos, socorridos que foram por extraterrestres e intraterrestres.

Após a devida autorização desses seres socorristas, solicitada por minha amiga, eu recebi o texto e reproduzi naquela época em meu site, texto este que segue reproduzindo a seguir, no qual ela narra a sua especialíssima experiência astral, que esclarece ao que de fato aconteceu naquela intrigante noite. Acontecimento que acabou por se constituir no maior mistério da aviação civil da Terra nos tempos modernos, pelo desaparecimento sem nenhuma pista, apesar das buscas intensas feitas por diversos países. Eis a experiência:

Geralmente, quando algum evento grande está para ocorrer, minha sensibilidade logo alcança, pois, sinto um grande peso no corpo, tonturas e grande prostração de sono.

Neste dia (do desaparecimento do avião da Malásia), logo ao me deitar, antes de dormir, os visitantes amigos já estavam no quarto me aguardando, eram quatro seres, dois altos, magros, braços longos, mãos e dedos cumpridos e finos, cabeça grande, mas proporcional à altura que passava de 2 metros, cor azul clarinho florescente, exalavam um cheiro que não posso comparar a nada. Os outros dois eram pequenos, de cor cinza claro, magros, cabeças grandes, braços finos e mãos grandes com dedos finos, mas de punho fortes, pareciam ser servidores dos seres maiores, eles se comunicavam entre si. Quando entendi que mais uma vez iria com eles em alguma missão.

Vi-me sair com eles por um portal que se abriu dentro do meu quarto, levada em sono hipnótico. Os pequenos me carregavam nos braços, conseguiam sustentar meu corpo, meu peso, dava para sentir suas mãos e dedos me segurarem. Foi quando em pouco tempo, talvez pequenos minutos, me vi dentro de uma nave gigantesca: havia um hangar, nele um movimento agitado de pessoas, que estavam sendo retiradas de dentro de um avião enorme estacionado dentro do hangar. Aqueles pequenos seres de cor cinza retiravam as pessoas de dentro do avião. Na maioria, os passageiros estavam zonzos, confusos e assustados. Aqueles que me levaram lá me deram uma orientação por telepatia, pediram-me para ajudar acalmar as pessoas, que elas estavam seguras e protegidas, que nada de mal iria acontecer com elas, que estariam bem, iriam ser colocadas em salas de repouso e, posteriormente, orientadas.

Interessante é como eu consegui falar fluentemente em outras línguas diferentes do meu dialeto, quando não falo outro idioma além do meu. Simplesmente eu percebi que foi ativado um canal de comunicação, enviada por eles à minha mente.

Fiquei algumas horas fazendo isso, até esvaziarmos completamente o avião e colocar os seus ocupantes em salas separadas, selecionados por padrões de vibrações áuricos de cada um. Inclusive, aqueles que tinham algum tipo de enfermidade ou fraqueza, eram levados a uma sala de tratamento. O movimento foi grande e isso me deixou exalta.

Pela manhã, quase não acordava, sentia-me muito cansada, os braços doíam, mas automaticamente ao me sentar na cama, lembrei do ocorrido, me troquei, fui preparar o almoço, pois já não era hora de tomar café da manhã. E me assustei ao ver nos braços e pernas marcas de dedos e mãos. Eu sempre tive fragilidade capilar (pessoas que tem a pele sensível, que qualquer pancada ou pressão feita, deixa roncha), e aquilo era a prova de que foi mais uma atividade real na outra dimensão. Terminei de fazer o almoço, conclui algumas atividades de rotina de dona de casa, fui ao banho e pude observar melhor a marcas.

Durante o almoço, comentei então com meu filho, pois sempre falo com ele sobre as minhas experiências. Ele, apesar de ser cético e quase ateu, não me questionou, ficou curioso como sempre e disse: Mamãe, se aconteceu isso e algo com algum avião vamos saber.

O dia se passou, muito cansada e exausta, procurei descansar o corpo, fazendo tarefas leves e não olhei o noticiário, mesmo porque, aboli a TV em casa, estava me incomodando. Quando quero saber de algo, vejo pela internet. E, naquele dia, não olhei nada. Abri o computador, vi recados, respondi alguns, fechei e fui dormir. Novamente, retornei lá na nave, direcionei-me às salas, conversei com algumas pessoas e fui orientada por estes seres, que não falam por não terem órgãos da fala. Telepaticamente, pediram-me para dizer àquelas pessoas que dentro de alguns dias eles seriam transferidos para outro lugar. Solicitaram-me também para comunicá-los que eles não haviam morrido, mas foi uma ação de resgate, pois, o avião estava condenado a cair e explodir e todos morreriam. Mas, que eles iriam ter vida nova, não poderiam retornar a Terra, pois, havia um trato de sigilo, que não podia ser quebrado. Se eles voltassem, a realidade dos mundos seria revelada e que não era ainda o momento para isso, que a humanidade não estava preparada para entender e aceitar.

Depois de comunicar as pessoas e explicar a situação, vimos que houve uma reação de difícil aceitação: choro, tristeza e choque da realidade. Mas, já não havia outra opção. Neste momento, minha Psicologia e orientação espiritual ajudaram a acalmá-los com palavras de amor, apoio e carinho.

Já no outro dia, ao acordar, não mais fiz minhas rotinas, corri ao computador e procurei alguma notícia, foi quando pude checar que havia sumido um avião na Malásia. Fique boquiaberta pelo fato, estava mais que comprovado que eu estive lá e que tudo era real. Não sei por que desta vez, eles me deixaram lembrar de tudo, pois sempre fico esquecida, apenas me lembro de alguns lapsos de lembranças dos fatos.

Meu filho chegou em casa e disse: olha aí mamãe, tem um avião sumido, será que a senhora esteve lá mesmo? Ele ficou encantado com esta minha experiência, ele também tem uma conexão mental com outras realidades, acessa arquivos e registros do Universo. Mas, mesmo assim, ficou pensativo com este acontecimento, mesmo sendo surreal.

Os dias se passaram e o Avião não foi encontrado. Comentei o fato com uma amiga do Facebook. Ela é muito curiosa com a possibilidade de existir outras vidas, outros mundos e a existências de seres extraterrestres. Ela sempre está pesquisando e buscando respostas, principalmente sobre um possível resgate em massa, caso venha o planeta a passar por um grande cataclismo. Foi quando ela me sugeriu conversar com estes amigos e fazer perguntas. Falei para ela, que me sentia muito à vontade com eles, não havia estranheza, nem clima de medo ou alguma coisa que fosse nociva a esta parceria. Não sentia necessidade de questionar nada, como já soubesse de tudo. Creio que sim, sinto segurança disto, apesar de não lembrar, mas sei que sei o que é, porque não me abalo.

Mas, ela me convenceu a perguntar para onde as pessoas iriam? E se eles iriam resgatar toda humanidade se houver um cataclismo? E, se existe uma previsão? Sinceramente, de minha parte, eu já teria uma resposta, há muito já tinham me falando sobre acontecimentos e resgates. Eles não têm compromisso com pessoas, tem compromisso com o Planeta, resgatar pessoas, apenas quando vale apena para o Projeto Gaia.

Há muito que a humanidade foi infectada por um mal, enraizado nas culturas por milênios, relativos ao próprio grau de imaturidade moral e espiritual, tornaram-se prisioneiros de seus próprios vícios e tendências.

Nossos amigos são de uma Ética moral inabalada, o respeito ao livre arbítrio é algo que para eles é uma Lei, não podem interferir por hipótese alguma. Quando outros, que na terra se encontram, são o avesso deles. Poderia dizer que estes são uma versão nossa, em nível mental mais elevado, mas se caracterizam pelo mal que desenvolvem e manipulam em nosso meio e em tudo que hoje há, e que afeta nossa evolução e o caos no planeta.

Voltando as perguntas que me amiga sugeriu, fiquei um tanto pensativa, resisti à ideia, mas fiquei com ela em mente. Em outra noite, já me vi em naves com eles, em viagem, logo percebi que eles leram minha mente e viram as perguntas que lá estavam, feitas por minha amiga Curiosa.

Levaram-me, então, até as montanhas e Alpes dos Andes. Pude ver que se abriu uma passagem, deixando a nave entrar. Havia uma cidade intraterrena, bem arquitetada, de muito bom gosto e espaçosa. Seres de diversas raças lá habitavam, senti que alguns eram de formas sutis, outros um pouco mais densos. Vi animais livres, pássaros, riachos, flores e seres a caminhar entre eles, por caminhos e relvas verdes, até chegar num prédio ou setor, em que havia um laboratório, onde humanos e seres “extraterrestres e intraterrestres” se uniam em pesquisas importantes. Explicaram-me, que estavam preocupados demais com a situação atual do Planeta, a contaminação das águas pela radioatividade, e que estavam tentando criar em laboratório um antídoto, para vetar os avanços da contaminação feita pelo homem. Entre outras preocupações, falaram-me, estava o equilíbrio energético da Terra, onde forças contrárias estariam afetando de forma radical, podendo causar muitos danos à saúde e a harmonia da vida sobre a Terra. Mas que também estavam estudando e abrindo debates e ações para controlar estes fatos. Engenheiros Cósmicos já haviam desenvolvido um estudo, estavam quase prontos para executar.

Percebi, neste ínterim, que estava diante de irmãos e amigos que protegiam a humanidade e aqueles que têm importante missão nesta fase de transição planetária, como também são os Guardiões de Gaia.

Agora eu digo, cadê as respostas? Uma pergunta eu fiz: por que estou aqui vendo isso? Eles me disseram por telepatia, todos nós levamos chaves, cada ser, em especial alguns, possuem chaves para abrir portais, e isto é um segredo, pois somente quando estas chaves abrem é que eles podem ajudar ou interferir direta ou indiretamente de alguma maneira.

Com relação às questões que havia em mente, feitas por minha amiga, eles me disseram, você já tem a resposta, explique a sua amiga, diga-lhe o que for preciso. Eu entendi, e sabia exatamente o quê estavam me dizendo. Difícil seria fazê-la entender, quando as pessoas criam expectativas e não conseguem romper o véu da insensatez.

Fiz mais uma pergunta: por que, se tenho uma chave, eu não sabia disso antes, e sofri muito, passei até como maluca por alguns, como hoje ainda pensam, e não me avisaram? Eles me disseram, que alguns séculos atrás e em outros mundos, muitos fatos trágicos ocorreram em mundos que passavam por provas, expiações de evolução, em que estas pessoas foram massacradas e mortas sem poderem concluir a missão. Não querem que volte acontecer, já houve muitos atos de heroísmo que não aceleraram mudanças moral alguma, a humanidade está cega, surda e muda na ilusão da 3D. Por isso que são controladas e usadas pelas sombras. Os irmãos especiais ou missionários específicos cumprirão seu fardo, no tempo previsto, para não sofrer danos maiores e prejudicar o Plano Superior. Diante desta Revelação, tive a certeza de que no fundo, sempre soube disto, ao menos sentia de alguma forma. Fiquei tranquila e agradeci a importante revelação. Agora poderia compreender melhor e responder a tantos outros questionamentos. Tudo estava se encaixando.

Despedimo-nos dos irmãos do Laboratório, passamos novamente entre a relva e lindos seres, retornamos a Grande Nave, onde lá me falaram que os resgatados estavam sendo separados e preparados para irem para as Colônias de acordo com as vibrações e seriam ajudadas e os especialistas iriam trabalhar a serviço de Gaia e dos outros mundos.

Retornando para casa, fiz uma pergunta, sobre o que fariam com o avião? Eles me disseram que possivelmente seria encontrado depois de algum tempo, eles iriam colocá-lo em um local visível, para não levantar suspeitas, mesmo porque, estavam previstos outros acontecimentos, que eles não poderiam intervir da mesma forma, mas que seriam salvos alguns passageiros e tripulantes. Em tragédias e cataclismos, eles sempre atuam e fazem resgates, isso já é um fato. Foi quando me lembrei, que durante aquele Tsunami que houve na Indonésia, eu estava lá e os ajudei a resgatar pessoas e animais (assunto para outro momento).

Sendo assim, prezado e querido amigo Moacir, hoje tenho uma melhor visão daquilo que posso ser, de onde vim e para onde vou, só mudamos a rota se quisermos, somos todos livres. Mas, se mudarmos a rota, não só vai prejudicar a um, como irá prejudicar todo um plano e atrasar avanços necessários a todos. Compreendo hoje porque pessoas aparecem em nossas vidas e somem, porque aquelas que aparecem, também trazem chaves neste mundo, para consolidarem projetos e causas. Seja de uma maneira ou de outra, fecham-se e abrem-se ciclos, e se observarmos atentamente, saberemos distinguir e discernir os sinais. Somos interligados a Inteligência Maior, é um dom que todos possuem e podem usar, se não temer as verdades e sair desta Matrix.

Venho mantendo com frequência um canal com nossos amigos, telepaticamente, em viagens e contatos em dias ou semanas alternados. Tenho me sentido cansada, pois minha rotina mudou muito. Hora de Dormir, nunca é certa, hora de comer não tenho, lazer quase nenhum, só trabalho de alto nível de responsabilidade, tanto aqui, como no astral e em outros mundos. Mas sei que vim para cumprir o que já havia sido combinado. Então, respirar fundo, agradecer e fazer acontecer. Tudo está fluindo.

Querido Moacir, eu confio em você, porque sei que você faz parte do plano. Já me disseram.

Quem acompanhou o noticiário sobre o estranho desaparecimento do avião, que não deixou nenhum rastro além daquele misterioso sumiço da aeronave no radar aéreo, sabe que, por vezes, a imprensa divulga o encontro de alguns destroços que poderiam ser do avião desaparecido, mas depois isso é negado. Em meio a este contexto, minha amiga me autorizou a divulgar mais informação sobre aquela ocorrência de abdução do avião em que ela participou em missão de ajuda e sobre outras importantes informações que se apresentam, de modo urgente, para todas as pessoas. Eis que ela me revelou em outubro/2015:

A peça que seria da asa de uma aeronave que foi achada em Madagascar, não é original, a farsa foi montada pelos governos, por não terem como justificar o desaparecimento do Avião do Voo MH370 da Malaysia Airlines em 8 de março de 2014. De fato, o que antes meus amigos me falaram, que o avião seria encontrado, não mais será possível, dado que as autoridades se anteciparam numa justificativa forjada. E para não confundir a mente das pessoas, eles não mais veem a necessidade de mostrar o avião inteiro sem passageiros. Talvez, num futuro se for preciso. Pois o maior objetivo do resgate, não foi apenas salvar a vida daquelas pessoas, mas dar demonstração aos governos e aos adversários da humanidade de que eles estão aqui para ajudar-nos e de que não estamos sós.

O recado foi dado! E os sinais continuarão a ser dado para que a humanidade entenda que a realidade vai mais além da ilusão e que as pessoas precisam mudar urgentemente. Dizer não às investidas dos malignos. No entanto, Eles [os amigos] não desejam mais interferir diretamente nos acontecimentos e em nossas escolhas. A meta é continuar a fazer o trabalho sutil de despertar e conscientização das massas e ancorar a humanidade das energias da paz, do amor e unidade. Muitos resgates ainda são feitos em catástrofes, de alguns animais, plantas e seres inocentes, que especialmente estão sob a mira dos inimigos, aquelas pessoas que são de grande utilidade para a ordem e manutenção do serviço a Luz.

Em meu primeiro relato, expus como tudo aconteceu, e comecei desde menina a contatar outras realidades e ser contatada por seres de outras dimensões e mundos. As semanas seguintes ao fato [abdução dos passageiros e avião], eu permaneci acompanhando aquele grupo resgatado, em sua adaptação, alojamentos até suas transferências a locais mais adequados ao trabalho, serviços e moradia de cada um deles. É com perfeita harmonia como eles se organizam e como são disciplinados em suas tarefas. Logo no início, os resgatados resistiram e se desesperaram, houve até aqueles que tentaram partir para a violência e fugir. Nossa presença lá, o diálogo, o esclarecimento e demonstração de amor e solidariedade, diante do grande problema que vem passado a humanidade, os fizeram aceitar e se engajarem voluntariamente no Projeto Terra da Fraternidade Branca da Federação Galáctica. Alguns vivem em comunidades em cidades em naves e satélites próximos a nossa orbita, e outros foram trazidos para cidades intraterrena de trabalho e serviços de amparo à saúde do Planeta, localizado nos Alpes dos Andes.

Eles compreenderam que todos nós somos diretamente responsáveis por aquilo que fazemos e causamos em nossa vida e no meio em que vivemos, que nada está separado e que antes de exigirmos nossos direitos, temos deveres, obrigações e contratos antigos formalizados com o futuro de nosso Planeta e Humanidade. E, diga-se de passagem, estamos em breve assumindo também compromisso com vários outros mundos, nos associando de vez à Federação. É preciso sair da infância mental e emocional, retomarmos ao nosso real posto e direção. Permitimo-nos ser manipulados geneticamente, socialmente, culturalmente e dominados por milênios pelos inimigos do Criador, aqueles que vivem no poder na Terra (não são de origem puramente humana), eles já foram longe demais. E todo trabalho da Federação Galáctica, que são nossos aliados, tem sido para evitar que um mal maior aconteça, sem que mexam com nosso Livre Arbítrio, que para eles é uma Lei sagrada e universal dada a todos. Certamente, que me encontro a par de todos os planos de nossos adversários e como deveremos e estamos agindo em unidade. Mas, este é um tema, para outra pauta.

Importante que a Humanidade acorde para a grande prisão e escravatura onde estão envolvidos, onde somos usados e manipulados para sabotarmos a vida e promovermos nossa própria autodestruição e extinção de raça, para que aqueles que detêm o poder, enfim permaneçam definitivamente no domínio total do Planeta e herdam a Terra apenas para eles. Nossos amigos e aliados são conhecedores de todos esses planos e arquitetaram ações que poderão salvar a humanidade deste triste fim. Mas, tudo dependerá de nossas escolhas.

Ao longo desta última década, fomos potencialmente ajudados pelos nossos irmãos dimensionais, astrais e galácticos da Federação por muitos meios. Enquanto não se estabelecer a paz e a ordem, eles estarão nos ajudando. Sinceramente, temos que abrir os olhos, buscar respostas, tentar compreender o que somos e quais nossos reais propósitos e mudarmos com atitudes urgentes.

Espero que este pequeno relato ajude a família humana, irmãos e companheiros de jornada a olhar a vida e o mundo com outros olhos, e que todos possam tomar a iniciativa de se engajarem firmemente conosco nessa batalha espiritual de almas de nosso Planeta pelo bem de todos.

Caso contrário, poderá não haver mais tempo, e o processo será irreversível neste orbe! Não é nosso desejo, nem o de nossos amigos, mesmo que haja outro plano de ação. Mas, o que um dia se viveu, pode ficar para trás por nossas escolhas estúpidas! Tenhamos fé e atitude!

Outras revelações foram feitas por minha amiga sobre este caso, que já é o maior mistério da aviação mundial. Vamos ao conteúdo literal das novas revelações:

Querido Amigo Moacir, venho, através deste relato e diante de tudo que já ocorreu, explicar como foi que relembrei os fatos. Eu fiquei questionando-me, como se soubesse de algo que não me lembrava sobre a ocorrência com o Avião Voo MH370 da Malaysia Airlines em 8 de março de 2014. Durante meses fiquei tentando lembrar-me, até que surgiu ajuda. Então, mesmo sabendo e por vários motivos, somente agora sentei para escrever e relatar mais duas viagens no astral. Nessas viagens, mantenho atividades e contatos constantes com o Centro de Ressonância Espiritual com Civilizações Extraterrestres, benéfico em dimensões paralelas.

O primeiro fato que relembrei foi da visita ao Centro de Recuperação de Abduzidos que conservam sequelas, pelo forte estado de choque com a realidade dimensional e afastamento brutal do cotidiano e da rotina com os familiares, costumes, alimentação e trabalho. Fui levada a um local, tipo uma quadra isolada, com pacientes neuróticos, doentes nervosos e histéricos. Ondas Magnéticas são emitidas sobre o lugar, na tentativa de acalmá-los. Como nossos irmãos não se comunicam pela fala com voz sonora, tentativas sucessivas foram feitas com telepatia para aconselhar e ajudar essas pessoas. Percebi que havia muitas pessoas, de todas as idades (incluindo idosos) e que alguns, aparentemente, estavam ali por muito tempo, como zumbis. Levaram-me à presença do piloto, um senhor que estava muito perturbado, atordoado demais e chorava compulsivamente. Vi que se tratava do Capitão do avião sumido da Malásia. Tentei dialogar com ele e acalmá-lo. Fui orientada a conduzi-lo para outro setor, no qual foi submetido a um transe hipnótico de frequências sonoras para anular suas últimas lembranças do ocorrido, sendo, posteriormente, conduzido de volta para este plano.

As pessoas que passam por esta experiência desejam interpretar estas vivências em mundos sutis, por exemplo, no etérico ou astral e, depois, com base em leis ou padrões de pensamentos e de ação do plano físico. Decodificar informações de planos astrais após o retorno ao plano físico, às vezes, fica bem complexo de ser feito, devido à grande diferença existente entre a vibração/frequência da matéria física e a do mundo sutil.

É ainda mais difícil se o ser humano, que teve a experiência, não estiver bem preparado ou suficientemente refinado em vários níveis de sua estrutura: energético, emocional, mental e supra mental. Assim, queira ou não, eles ficam sempre bastante perplexos e sentirão como se houvesse um vazio na mente, sem emoções e sem recordações.

Foi exatamente esta a situação ocorrida com piloto. Poucos sabem do suposto aparecimento de pedaços da nave e alguns pertences das vítimas e, especialmente, do misterioso aparecimento do capitão Zaharie Ahmad Shah, perdido e sem memória, num lugar ermo, nas margens do rio Tangshui. As autoridades abafaram o caso para não chegar ao grande público.

Tudo isso faz parte dos mistérios deste caso e de milhares de outros desaparecimentos de aeronaves, de navios e de seus tripulantes, até hoje sem respostas. No tempo certo, com certeza, serão revelados.

Entrando no segundo fato relembrado por mim: foi feito com o auxílio de meus queridos amigos, depois de muito pedir que me ajudassem a lembrar. Eles levaram-me de volta para acessar as informações através da "memória universal" ou Akasha. Assim pude tomar conhecimento do ocorrido, onde descobri o porquê da ocorrência e quem são os responsáveis e porque eles interviram em socorro ao avião e aos seus tripulantes e passageiros.

Forças da elite maligna que impera no Planeta, sem acesso às tecnologias avançadas de viagens intergalácticas através de passagem em portais dimensionais, vêm por muitos anos tentando experimentos aleatórios, sacrificando inocentes. No passado começaram o experimento conhecido como Experimento Filadélfia. Em consequência, navios e seus tripulantes ficaram invisíveis e foram “tele transportados” a uma zona desconhecida. Isto foi possível depois de usarem a teoria do Campo Unificado de Einstein, que corresponde à interação de forças eletromagnéticas e a gravidade.

Este experimento, contudo, não deu certo, causando uma série de problemas. Naquela região, inclusive, criou-se uma zona de perigo, um vácuo de tempo permanentemente aberto, em frequências variadas: abrindo e fechando sem parar. Com o passar do tempo, eles continuaram seus estudos e experimentos, posicionando as ondas para barcos e diversos aviões. O resultado sempre deu errado porque eles sumiam e não retornavam, como ocorreu com o primeiro experimento naval.

Na maioria das vezes, nossos amigos, supridos de alta tecnologia e domínio do espaço/tempo dimensional, conseguiram socorrer e resgatar os tripulantes intervindo com abdução dos referidos aviões, barcos, etc. Foi exatamente o que ocorreu com o Voo MH370 da Malásia Airlines em 8 de março de 2014, com seus tripulantes e passageiros. Mais uma vez, eles entraram na zona de frequência deste experimento fracassado, socorrendo as vítimas que estariam condenadas a viver/morrer vagando numa zona de tempo zero.

Sinceramente, para mim isso foi uma grande revelação, principalmente saber que estes militares da elite maligna vêm atuando há mais de 70 anos, desde 1943, trazendo sofrimento, dor e perdas a muitas famílias e sociedade, de forma cruel, sem remorsos, para fins apenas de pesquisa e respostas a este experimento.

Mais do que nunca, temos hoje a certeza de que o mal se instalou no Planeta, por forças negativas, por ambição de poder, dinheiro e controle das massas, inclusive, por nós humanos, que aqui estamos. Na maioria, somos vítimas cegas dessa perigosa máfia.

Este relato é um dos exemplos do que eles são capazes de fazer para manterem-se no poder e adquirir o domínio total pela força do mal. Felizmente, estamos sendo preparados, protegidos e orientados para acordarmos e termos a consciência deste engenhoso complô mundial. As verdades, porém, aos poucos estarão vindo à tona, porque nossos amigos dimensionais se preocupam com nossa segurança, com a segurança de todas as criaturas inocentes, a Natureza e a Mãe Terra.

Todos nós da Terra estamos sendo contatados desde criança. Para que ocorra o despertar, é necessário, aos seres humanos, certa quantidade de experiência da projeção consciente no plano etérico e astral e, também, a capacidade de lembrar exatamente, em seu retorno ao plano físico, do que aconteceu no plano sutil. Afinal, estamos saindo da infância espiritual, já em transição entre adolescência e prematuridade, para tomarmos novo rumo e fazermos escolhas decisivas, através de nosso Livre Arbítrio, contra essas forças malignas e estabelecer a paz, a justiça, o amor e harmonia geral na Humanidade e no Planeta.

O aspecto mais importante que queremos destacar é que, no tempo atual, o medo criado pelos trevosos e forças malignas faz com que muitas pessoas entrem na frequência do negativismo, permitindo serem capturados por estas emoções negativas. Então, estando o ser humano dominado, eles conseguem fazer, sem limites, muito mal, tanto a nível individual quanto global. O medo não é sempre mostrado claramente. Pode ser diferenciado, tomando a forma de negação na maioria das circunstâncias. Em tais casos, é o medo do desconhecido, manifestado em relação às transformações iminentes, que terá lugar em nossa vida. Muitos eventos ocorrerão a olhos vistos, transformações ocorrerão na Terra em todos os domínios de atividade.

As descobertas e revelações que estão por iniciar, pela desinformação e manipulação da mídia e fontes malignas de canalização, farão com que seja testada a reação instintiva de muitos seres humanos. O controle do medo para essa elite maligna dominante é fundamental no período atual, especialmente a partir da perspectiva da revelação sobre a existência de vida extraterrestre e as conexões de determinadas civilizações extraterrestres com o nosso Planeta e a Humanidade. Assim, é absolutamente e, até mesmo urgente, a necessidade de eliminar o medo, porque bloqueia a possibilidade da ação e da ajuda maravilhosa que os seres de luz e extraterrestres benéficos nos podem oferecer em sua bondade para conosco. Nossos irmãos são avançados seres extraterrestres de bagagem milenar do ponto de vista espiritual, que conhecem muito bem as Leis de manifestação no Universo, agindo em total conformidade com elas. Tudo o que fazem é realçado pela necessidade da existência de harmonia e respeito à vontade LIVRE dos seres humanos.

A partir desta perspectiva está sendo feito, ao longo de décadas, um trabalho unificado com irmãos galácticos e astrais de luz, na preparação em prol de nossa defesa, destacando especialmente a contribuição da civilização Sirian do Sirius. Um sistema que, através da equipe da Nave Mãe Anais, uma enorme nave espacial que está no plano etérico, próximo da Terra, mantém o equilíbrio necessário nesses momentos difíceis, com atuação presente e de forma decisiva pela nossa salvação e significativamente para a preparação do salto vibracional da Humanidade e do nosso Planeta.

Breve enviarei outros relatos surpreendentes. Falarei, possivelmente, sobre a vinda planejada e inevitável do cometa Ison, conhecido como Nibiru, Hercólubus ou Elenin. Não sou eu, porém, quem decide o que devo relatar. Assim, aguardo novo comando para não atrapalhar o plano.

Caro irmão Moacir, mais uma vez agradeço sua gentil contribuição em divulgar, para aqueles que querem ouvir, os acontecimentos por trás do véu da Matrix, no qual muitos estão cegamente envolvidos e hipnotizados.

Ao completarem dois anos do desaparecimento do avião da Malásia, em março de 2016, perguntei à minha amiga que, em auxílio, atuou no resgate astral dos passageiros e tripulantes do avião, se havia alguma novidade sobre o caso e ela me respondeu o seguinte:

Caro amigo, Moacir, não sei se conseguirei me fazer entender! As palavras sem sempre são capazes de expressar aquilo que realmente desejamos dizer, principalmente quando se trata de experiências e vivências em outros mundos e dimensões, com seres muitos mais evoluídos no Universo do que nós. Tenho assimilado muitas informações, elas fogem, na maioria e rica em detalhes, de nossa compreensão. Resumir e me fazer entender é um desafio.

Apesar da grande polêmica e mistérios existentes em torno do desaparecimento do Avião da Malásia em 8 de março de 2014, o suposto aparecimento de pedaços da nave e alguns pertences de vítimas e o misteriosos aparecimento do capitão Zaharie Ahmad Shah, perdido e sem memória, num lugar a ermo nas margens do rio Tangshui, tudo isso faz parte de mistérios. Poucos têm conhecimentos dos reais fatos que se passam por trás deste e de milhares de outros desaparecimentos de aeronaves e navios com os seus tripulantes, até hoje sem respostas.

Tenho acompanhado particularmente alguns dos trágicos acontecimentos e viagens astrais em deslocamento dimensional para realidades paralelas deste mundo. Em relatos anteriores, descrevi como ocorreu com o avião da Malásia, como foi o resgate e o acompanhamento da tripulação e passageiros. Como nossos amigos de outros orbes têm nos ajudado e como neste processo eles se posicionaram.

O fato é que, antes de relatar o quem tem acontecido, apresenta-se necessário fazer um resumo de uma introdução para melhor entenderem o que se passa. Recebemos desde o início dos tempos da humanidade, interferência de grandes inteligências externas na nossa evolução e culturas, mas a nossa natureza sempre foi rebelde e adaptável ao meio em que vivemos, nos fazendo ser mais reativos do que ativos. E isso facilitou a apropriação e o domínio de raças com má fé sobre o Planeta e a humanidade. Entramos em ciclos consecutivos de gerações sem vontade própria, de alienação, escravidão e sofrimento.

Irmãos de outras galáxias, que viram o ocorrido, tentaram impedir esse domínio, mas eles alegaram que nós usávamos de nosso livre arbítrio para aceitar a interferência do mal. O processo de autodestruição estava cada vez mais evidente nos planos destes dominadores. Quando equipes de ajuda começaram a vir em nosso socorro, tentando reverter à situação de forma pacífica. Para tanto, foram instaladas algumas bases pelo planeta, onde poderiam dar assistência permanente em serviços de socorro, como também, mantiveram, numa dimensão próxima, naves de monitoramento por 24 horas dos fatos diários e de grandes massas. Os dominadores, ficando cientes disso, aceleraram de forma fria os consumos de bens terrenos e a extensão gradual em massa, bloqueando cada vez mais a possibilidade de os humanos acordarem para as verdades! Depois de muitos conflitos travados entre as forças, houve um encontro entre as partes e os dominantes selaram um acordo, permitindo que estes irmãos pudessem ter livre acesso para nos ajudar, desde que os deixassem onde estavam. A um deles, darei o nome de sombras (os dominantes) e, ao outro, darei o nome de Luz (aliados da humanidade).

Então, a batalha começou, os das sombras continuaram com manobras cada vez mais audaciosas, inteligentes e malévolas. E os irmãos da luz, no trabalho de conscientizar e fazermos acordar, compreender as verdades e mudarmos nossas escolhas. E isso ocorre até o presente momento. Equipes de socorro a desastres naturais, orientação e assistência a cada consciência, resgate e manutenção de vidas. Havendo um grande aumento de adesões neste movimento de amor e unidade.

Como sei disto? Fui contatada, abduzida, instruída, ensinada e treinada. Conheci seus trabalhos de perto, de como tudo ocorreu e todo o processo até hoje. Depois de muitos anos, passei a ser uma voluntária para ajudá-los nesta batalha. Até pouco tempo, tudo em minha mente era confuso em aceitar e tão pouco em lembrar detalhadamente de minhas experiências. Pois, entendi com isso, que quanto mais aprendia com eles, menos eu sabia, porque como humanos, temos uma visão de vida e de realidade de forma limitada.

No caso específico da abdução da aeronave e tripulação do avião da Malásia, vale lembrar que não é um caso isolado, muitos outros fatos idênticos se repetiram no passado. Porém, desta vez, houve permissão para uma explicação e esclarecimento sobre o ocorrido.

A tripulação foi socorrida, porém poucos se lembraram da orientação dada anteriormente e dos acordos preestabelecidos nesta vida. Por isso, houve um trabalho de apoio amplo, tanto com relação à saúde física, emocional e psicológica. Quando os ânimos se acalmaram de uma maioria, cada um foi encaminhado a moradias, setores de escolas e serviços ao propósito da tomada da paz e saúde do planeta e humanidade. Alguns dos resgatados, já encaminhados, mas que trouxeram problemas psicológicos erradicados na Terra, estes ficaram sendo tratados, mas um deles surtou emocionalmente, causando uma desarmonia no ambiente em que estava vivendo. E por motivos fraternais, (respeitam a vida de forma incondicional), compreenderam e resolveram que seria uma oportunidade de enviar respostas aos desavisados e incrédulos da Terra, permitindo que este retornasse.

Eis que fatos raros como este poderão ou não se repetir, mas se assim ocorreu, foi em razão da necessidade urgente de o ser terreno acreditar noutras realidades, além daquelas que as ensinaram e de alguma forma mudar a percepção, despertar e reforçar a transformação no Planeta. Esta e outras ajudas estão sendo feitas, para que, enfim, a humanidade possa retomar seu real lugar no comando de seus destinos.

A mensagem que estes amigos dimensionais nos passam para compartilhamento é a seguinte: "Não nos julgamos melhores do que outras criaturas, somos gratos em temos a oportunidade de compartilhar as maravilhas da Criação com tão nobres irmãos. Somos seus irmãos mais velhos, viajamos por muitos anos luz entre galáxias, muito temos aprendido, e aqui encontramos com Crianças Cósmicas de grande perfeição. Apesar de ser uma raça nova e infantil, tem nos mostrados suas habilidades, dons, sabedorias e seus valores e por isso aqui estamos, para ajudá-los um melhor destino, libertando-se conscientemente das armadilhas daqueles que os escravizam e roubam as oportunidades mais nobres de serem o que vocês são. Num futuro breve, tudo estará diferente em seu Planeta. Mas, é preciso que não esqueçam de buscar as respostas dentro de vocês, lá estão guardados os maiores segredos de sua criação. Somos, todos, parte de um plano maior e este entendimento só virá à tona, em outras etapas da evolução desta raça." (SAN SAI RAN)

Com o terceiro ano do desaparecimento do avião, desde quanto ele foi abduzido por seres dimensionais, para salvar os passageiros e os tripulantes, novas revelações chegaram sobre o caso, a seguir compartilhadas:

Caro amigo Moacir, muitos dias, meses e anos se passaram sem que ninguém pudesse realmente ter a ideia das verdades que estão por trás do desaparecimento do avião da Malásia e sua tripulação em 08 de março de 2014. Um acontecimento negativo, que surpreendentemente se tornou algo muito positivo para a história da humanidade. Toda tripulação ainda vive e estão muito bem! Em meus relatos anteriores, descrevi vivências na qual estive presente no resgate de todos os tripulantes do avião abduzidos pelos seres dimensionais da luz, uma equipe de socorro agiu no momento exato salvando a todos, diante da conspiração feita por inteligências mafiosas das sombras contra eles. Caso não houvesse o resgate, os tripulantes estariam sem destino ou mortos entre o espaço vácuo tempo planejado por experiências desses malévolos governos que dominam o mundo. Em viagem astral, pude acompanhar de perto e ajudar na retirada das pessoas do avião e deslocá-las para salas de assistência médica e apoio dos tripulantes. Na ocasião houve muito choro, desespero, desorientação, confusão mental e tristeza. Mas com o tempo, foram relocados em setores de apoio, treinamento, moradia e trabalho, de acordo com seus graus de consciência, entendimento e disposição em servir. Entre os tripulantes apenas um foi abortado do resgate, após apresentação de sérios problemas emocionais, psicológicos e espirituais que estavam interferindo em sua adaptação e na tranquilidade do ambiente em que se encontrava.

Nossos irmãos e amigos dimensionais não medem esforços para deixar todos bem adaptados e se sentirem à vontade, como se estivessem em casa. E principalmente aceitarem que não poderão retornar às suas vidas como antes na terceira dimensão do mundo onde viviam. Tenho tido frequentemente contato nas dimensões paralelas juntamente com nossos amigos, irmãos dimensionais, onde meu acesso a vários setores tem sido uma interação grande em serviço do bem maior de todos. No meu último contato com os tripulantes do avião da Malásia, como sempre, foi da seguinte maneira: Ao descansar o corpo, abre-se um portal de luz, que funciona como teletransporte. Minha agenda varia de acordo com as necessidades e acontecimentos, como fui um guia para eles, tenho ido acompanhá-los nesse processo de adaptação e preparação para trabalhar nas comunidades e posteriormente em setores específicos de apoio a grande engrenagem. Pois ninguém fica ocioso ou é visto como incapaz. Após esses anos, eles passaram por várias terapias de cura física, psicológica, energética e cultural. Foram assistidos e ensinados nos novos costumes da população e família galáctica.

Demorei em fazer este novo relato por aguardar o consentimento deles, pois tudo que tenho presenciado ao lado deles só tem me feito uma pessoa melhor e com uma visão ampla sobre o que realmente representa a vida perante a grandiosidade do Universo. Essa experiência/visão tem ocorrido com todos que lá convivem com esses seres e irmãos de luz, onde há grande valorização de qualquer ser e vida. Dos que estavam no avião foram separados grupos por idade mental, emocional e pelos seus dons. Um grupo foi selecionado e treinado para participar de ensino de determinadas tarefas aos menos preparados. Outro grupo foi selecionado para participar de cursos tecnológicos e se aperfeiçoarem naquilo que tinham aptidão. E assim por diante por setores, uns ficaram praticamente isolados dos outros tripulantes, porque seus dons e idade mental eram superiores ou totalmente inferiores ao da maioria, estes foram levados a central de ensino, literatura e esclarecimento de vidas passadas para alinhamento kármico. Por último, um grupo foi selecionado após todo processo de cura, palestras de preparação para adaptação, para trabalharem em pesquisas acompanhados por equipe científica. A notícia boa, é que eles têm surpreendido nossos irmãos com seus trabalhos, eles se impressionaram com a capacidade de adaptação, aprendizagem, criatividade, intuição em todos os setores. Alguns até se destacam como líderes. Este foi uma das bem sucedida operação de resgate e abdução ocorrida neste século. Nossos irmãos informaram de outros resgates com abdução em que as pessoas entraram em crise mental resistindo a qualquer tipo de apoio ou ajuda para aceitação das verdades e adaptação. Isso significa que o trabalho de conscientização e despertar que tem sido feito nos bastidores por nossos irmãos tem sido positivo e surtido efeito na população. Sendo assim, diante destas provas a humanidade estará dentre pouco tempo preparada para assistir a olho nu a quebrar do véu entre os mundos. E enfim nós estaremos libertos dos medos, das mentiras e senhores das sombras. Vivermos abertamente com as verdades que serão reveladas a todos. Desde já transmito o que sentir, ouvi e percebi de fato sobre o que ocorre em dimensões paralelas. E a coisa que eles mais desejam, é acabar com a ilusão do véu existente entre os mundos. Mas, quando a humanidade realmente estará pronta? Não tardará, continua o trabalho de despertar e igualmente o de conscientização. Sei que todos estão sendo convocados, estimulados, testados e levados a dimensões para compreensão das verdades e mudanças de paradigmas existenciais. Esse trabalho tem sido feito continuamente de forma sutil. Assim a separação do joio e do trigo está sendo feita de forma espontânea e natural, até chegar o momento-chave da limpeza cíclica que inevitavelmente está por ocorrer.

O desaparecimento do avião da Malásia e seus tripulantes, para muito se tratou de mais uma tragédia da aviação sem explicação, mas esta aparente catástrofe deu início a uma nova etapa de procedimentos e protocolos em dimensões superiores no comando dos nossos irmãos dimensionais da luz, pois comprovadamente o resultado dos trabalhos tiveram efeitos positivos para o despertar das consciências, dando início a novos protocolos para a transição planetária da humanidade.

Este é um momento onde devemos nos alegrar, pois o processo irá se acelerar e muitas coisas inesperadas irão acontecer, provocando a limpeza necessária neste mundo tão escravizado por forças escuras de dimensão inferiores que se instalaram no Planeta, sem aceitarem a iluminação e atrapalhando o processo evolutivo das pessoas. Mas, nossos irmãos possuem plano para ajudar esses seres sombrios.

Caro amigo, mas uma vez relato fatos de forma simples, na tentativa de ser compreendida por todos. Sem mais, caminhamos juntos a passos largos para o tão esperado momento de luz e paz para todos de nosso Planeta, sabendo, no entanto, que ainda haverá muito choro e ranger de dentes, até que se conclua o processo de transição e cheguemos à outra fase espiritual na Terra.  Estamos juntos! Paz Profunda! EG.

Os textos, amorosamente compartilhados, evidenciam a existência de dois tipos de abdução:

do mal, feito por seres que nos escravizam, tal como revelado nos livros “Conspiração Interdimensional” e “Conspiração Interdimensional 2 - Libertação”;

do bem, realizado por amigos dimensionais com o intuito de minimizar os estragos perpetrados por maldosas abduções.

Para se entender mais esta situação, inclusive sobre a criação dos seres inteligentes na Terra e a interferência que fazem ainda hoje nos humanos, está claramente revelado no livro “Anunnaki Deuses da Terra

Concluo agradecendo os conhecimentos compartilhados na certeza de estarmos vivenciando este especial momento de transição planetária para outro patamar dimensional.

Luz, amor e conhecimento.

Moacir Sader
Mestre de Reiki Usui, Karuna e da Chama Violeta

Website: Sader Livraria e Cursos de Reiki


Postar um comentário