quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Ann Albers: IRRITAÇÃO INEVITÁVEL ...


  
Irritação Inevitável ...
por Ann Albers
10/02/2018

Eu sabia ao começar a ficar irritada no ano passado, que algo grande estava acontecendo. Isso realmente me diverte, porque já não é mais um sentimento comum. Eu me vi de uma forma bem-humorada, da forma bela e birrenta de quando tinha dois anos de idade. Eu fiquei irritada com pessoas que eram grosseiras no trânsito. Eu fiquei irritada quando pessoas que não queriam abraçar seu próprio crescimento afetaram negativamente minha vida. Eu fiquei irritada com pessoas do meu passado que pensei ter perdoado. Na superfície, eu era educada, mas, interiormente, eu estava agitada. Isso foi interessante!

Conversei então com os anjos, e eles me asseguraram que era apenas uma energia muito forte que estava movendo-se por todos nós, empurrando-nos a sermos mais honestos com nós mesmos.

Então eu mergulhei mais fundo e fui mais honesta. Eu realmente queria ser mais amorosa do que sugada na maneira de lidar com as coisas do mundo. Comecei a amar o que não conseguiria mudar, e amorosamente me afastei do que pude. Enviei enormes ondas de paz a motoristas desagradáveis. Estabeleci fortes intenções de atrair apenas pessoas que eu realmente poderia servir. Voltei e pedi por pessoas que não haviam feito o que prometeram fazer ou para chegarmos a novos acordos. Estabeleci um tempo para o meu bem-estar novamente, e priorizei novamente o autocuidado. Claro que a ira se derreteu. Eu estava cuidando de mim mesma, sendo meu próprio Eu amoroso, e escolhendo amar-me novamente.

Foi quando a magia começou a acontecer. Comecei a ouvir os anjos na minha vida, falando para mim, de uma maneira muito forte. Comecei a ouvir toda a vida falando comigo, muito mais forte do que nunca. Não encontrava determinado livro outro dia e perguntei por telepatia onde é que ele estava, "Na segunda prateleira à direita no armário artesanal", responderam. Com certeza, lá estava. Pedi para encontrar um dedal que não sabia onde estava. (Eu finalmente passei algum tempo relaxando enquanto gritava "Go! Go! Go! Em frente a TV durante o super bowl!) O dedal falou em minha mente. "Está perto da pia". Com certeza, lá estava.

Uma semana antes, tive o forte desejo de levantar insanamente cedo, dirigir-me para o norte e observar o eclipse. "Estarei a salvo?" Perguntei ao Arcanjo Miguel. "Na moda típica do anjo, ele me enviou para o espelho para olhar meus próprios olhos". Você está? "Ele perguntou". Sim!!! Eu criei isso! "Eu respondi". OK então, vamos. "Entrei no carro às 4h da madrugada e cheguei ao local uma hora depois, no momento em que a Terra estava começando a se escorregar entre a Lua e o Sol. Empacotada dentro de camadas de roupas e cobertores de inverno, sentei-me calmamente em uma cadeira de gramado, fiquei sentindo o céu, a Terra, o Sol, a Lua, o frio e o calor, buscando o equilíbrio dentro e fora.

Como uma nota lateral, estava acompanhada por uma mulher encantadora, que amava o céu tanto quanto eu. A bateria da minha câmera pifou, mesmo após eu a ter carregado completamente, então ela me deixou olhar através de seus binóculos incríveis. A Lua parecia grande, como uma bola de tênis, e magicamente matizada de vermelho, cercada de estrelas, contra o pano de fundo do céu índigo do pré-alvorecer. Foi de tirar o fôlego!

Começamos a falar e logo conversava com seus parentes no céu, e ela estava prometendo me enviar algumas de suas lindas fotos. Quando cheguei em casa, minha bateria da câmera começou misteriosamente a funcionar! Foi ainda mais um evento, em uma série de danças deliciosamente orquestradas que estão acontecendo na minha vida tardiamente.

Então, se você ainda está passando pela fase irritadiça ou intolerante nesse ciclo de crescimento, pegue seu coração! Você não é uma pessoa ruim. Você não vai andar para trás. Você está mergulhando profundamente, esfregando coisas que você pensava que tinha que ser, para que você pudesse se transformar na alma que realmente é. E isso, em última análise, é uma benção e uma alegria!

- - - - - - -

Aqui estão algumas dicas nesta semana para lidar com energias irritadiças e intolerantes, se/quando elas se elevarem dentro de você!

1. Seja gentil com você mesmo. Em vez de se julgar, observe-se.

Diga a si mesmo: "Bem, estou ficando irritada. Isso é interessante!" Se você simplesmente se observar, você terá menos necessidade de se justificar, de se defender ou de apontar os dedos para qualquer outra pessoa. Assista a si mesmo, como você assistiria a uma tempestade passageira.

Quando você não se julga, liberta você para ver o que realmente acontece dentro de si mesmo.

2. Questione à raiva qual a sua mensagem.

Diga a si mesmo: "OK, Raiva, OK Mentira, OK Frustração ... para o que você está tentando chamar minha atenção aqui?" Sempre há uma mensagem. Pode dizer-lhe que deseja ser tratado de forma mais gentil, daí você deve se tratar mais gentilmente. Pode dizer-lhe que uma relação ou situação não é mais autêntica, e você precisa fazer algumas mudanças.

Pode dizer-lhe que você não é uma vítima, e é hora de pretender e se concentrar na criação de uma realidade mais amável. Pode dizer-lhe que você realmente não quer deixar o comportamento de ninguém influenciá-lo de uma realidade amorosa, e que essas pessoas que você chama de "imitantes" ou "loucos" são apenas seus treinadores pessoais, cutucando você para ajudá-lo a se fortalecer em sua capacidade de amar. Não importa a sua disfunção ou problemas, de alguma forma, você os permitiu em sua vida e em seu caminho por um motivo. Sua alma quer crescer.

Se você perguntar as suas perturbações por suas mensagens, você retoma seu poder de criar ... e a ira se dissipa. Usamos a raiva quando nos sentimos impotentes ou vitimados. Nós nos sentimos poderosos diante da injustiça ou da crueldade quando abraçamos nosso poder amoroso de criar.

Nós estabelecemos limites saudáveis. Nós falamos honestamente e amorosamente. Nossa energia já não permite o não evoluído enfraquecer nossa capacidade de amar e criar.

3. Ouça seu coração

Nós dizemos isso quase todas as semanas. Se você honrar seu coração, que sempre quer amar a si mesmo e aos outros no fundo, você pode dizer até as coisas mais difíceis com bondade. Você pode se afastar do que dói, se for somente por sua intenção por enquanto. Você pode fazer pequenas coisas para se tornar feliz e, assim, abrir a porta para que as coisas maiores sejam atraídas pela sua vida.

Seus problemas relembram que você não gosta de se imaginar pequeno. Eles lembram que há mais poder dentro de você.

Abrace o poder, ouça o coração, e o Amor será o novo poder que o move.

Seja gentil com você mesmo! Esta é uma energia forte, e nos está dragando a todos. As vidas passadas estão mudando-se. Nossos transtornos de infância estão se afastando. Nossa verdade está transbordando! E isso pode significar que alguns problemas e mudanças ocorrerão, mas, no final, é tudo para orientá-lo para uma realidade bem-fiel do Céu na Terra!

Eu amo todos vocês! Tenham uma semana fantástica ... irritadiços ou não :)

Ann


Direitos Autorais
Ann Albers

©2012 Ann Albers, All rights reserved
website: http://www.visionsofheaven.com/

Traduzido por Adriano Pereira
Manaus/Amazonas
blogluzevida@gmail.com

Com Luz, Amor e gratidão 
 ҉


Postar um comentário